Perseguido por marido traído, homem surta, mata amante e depois comete suicídio


Uma briga entre casais acabou em morte na noite de quarta-feira (23) em Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná. Segundo a polícia, discussão foi registrada na Avenida República Argentina, na região do Bairro Morumbi. Depois de uma discussão com a mulher, um homem matou a amante e depois cometeu suicídio.
De acordo com a polícia, durante uma briga, uma mulher tentou impedir que o marido saísse de casa e se agarrou ao carro dele. Para se livrar da esposa, o homem freou bruscamente, fazendo com que ela caísse. Na queda, a mulher bateu a cabeça e precisou ser socorrida pelo Siate.
De lá, o marido seguiu para a casa da amante e a obrigou a entrar no carro. Ao deixarem o local, foram seguidos pelo marido da mulher supostamente sequestrada. No caminho, ao se aproximar dos dois e bater no carro na tentativa de fazê-lo parar, o marido traído foi ferido na mão por um tiro. Em seguida, o responsável pelo disparo atirou contra a amante e se suicidou.
O homem ferido foi ouvido pela polícia na madrugada desta quinta-feira (24). A mulher que se machucou ao cair do carro permanece internada no Hospital Municipal de Foz do Iguaçu e está fora de perigo.
O corpo da mulher assassinada está sendo velado na capela mortuária do Morumbi e deve ser enterrado ainda nesta quinta. Já o velório do homem está sendo realizado no Cemitério São João Batista, onde foi sepultado na sexta-feira (25).

# Compartilhar

DEIXE SEU COMENTARIO

    Blogger Comentario
    Facebook Comentario

0 comentários:

Postar um comentário

Faça Aqui Seu Comentário.